fbpx
The Riders Histories
Riders Custom

10 Fatos Royal Enfield Super Meteor 650

Veja tudo sobre a nova Super Meteor 650 que teve seu preço divulgado e já está confirmada para o Brasil!

Nova Royal Enfield Super Meteor 650 foi revelada e teve seu preço divulgado.

O modelo, do estilo Custom/Cruiser, é impulsionado pelo motor bicilíndrico de 650cc da Royal que já conhecemos e tem novo chassi, além de ser a primeira moto da marca a trazer farol em LED e suspensão dianteira invertida da Showa.

Confirmada para chegar ao Brasil ainda em 2023, vamos ver 10 fatos da Super Meteor 650.

10 Fatos Royal Enfield Super Meteor 650

Resumo dos fatos sobre a Royal Enfield Super Meteor:

  1. Novidade mundial da Royal
  2. Disponível em duas versões
  3. Design
  4. Motor
  5. Dimensões da Super
  6. Suspensões
  7. Painel e tecnologias
  8. Capacidade do conjunto
  9. Super Meteor 650 Preço
  10. Será lançada no Brasil

1) Novidade mundial da Royal

A Royal Enfield aposta em uma nova moto com estilo e acessibilidade no segmento Cruiser, com o lançamento da Super Meteor 650.

O modelo foi revelado no Salão de Milão, em novembro de 2022, passando a ser comercializado no mercado indiano e previsto para chega à Europa em março de 2023.

Se confirmando com uma novidade mundial, ou seja, que será lançada em diversos outros mercados pelo mundo, a nova Super Meteor também já está confirmada para o Brasil.

A informação é de que ela desembarque no mercado nacional no segundo semestre desse ano.

2) Disponível em duas versões 

nova Super Meteor 650 foi lançada em duas versões.

A primeira, chamada apenas de Super Meteor 650 mesmo, é a motocicleta de entrada padrão, que chega nas opções de cores Astral e Interestelar.

Essa versão pode ser considerada mais despojada e, apesar do estilo clássico do modelo, passa um ar mais jovem. Digamos que ela é a versão mais “enxuta” da novidade.

Já a segunda, a Super Meteor 650 Tourer, é a variante topo de linha.

Apresentada na gama de cores Celestial, ela foi chamada pela marca de “Tourer”, pois é voltada para quem busca mais conforto e comodidade para viagens.

Como diferencial, além da combinação de cores e grafismo exclusivos, essa versão traz acessórios como encosto de garupa e para-brisas direto de fábrica, além de ter formato e costura diferenciada no seu banco.

3) Design

Outro ponto de destaque da Royal Enfield Super Meteor 650 é o seu visual. E nós vamos ver nos detalhes.

O modelo chega como uma evolução de todos os esforços da marca no segmento de média cilindrada realizados nos últimos anos e com isso, a moto aposta no desenho de uma Cruiser retrô.

Com todas as suas linhas arredondadas, a Super Meteor traz uma boa mistura de cromados, cinzas e pretos, além de ter um acabamento que chama atenção, como o cuidado nos detalhes do conjunto ótico, ou ainda a mesa e suportes da suspensão.

Aliás, falando do farol, você sabia que a Super Meteor é a primeira moto da Royal a trazer farol em LED? Pois é, por isso ele acaba chamando atenção nos seus detalhes.

Os dois escapamentos, com saídas baixas e dispostos um de cada lado, dão aquele ar de moto Custom de média cilindrada de anos atrás, mas as rodas de liga-leve na cor preta e o assento, esculpido na Tourer e um pouco mais simples na versão padrão, dão ares mais atuais.

Podemos perceber que a marca teve bastante cuidado no desenvolvimento visual dessa moto, pois até as tampas laterais do motor se destacam e estão pintadas em outra cor.

E, como de costume, a Royal oferece toda uma gama de variações de cores e detalhes de pinturas para esse modelo também.

4) Super Meteor 650 Motor

Na parte de motor ela equipa o bicilíndrico e já conhecido e consagrado em todo o mundo, mas vamos ver seus números.

No coração, a Super Meteor equipa o bicilíndrico de 648 cm³ que, desde 2018, tem movido em todo o mundo os modelos Interceptor 650 e Continental GT 650.

Para a novidade esse propulsor entrega a potência máxima de 47 cv a 7.250 rpm e torque de 5.2 kgf.m aos 5.650 giros. O câmbio é de 6 velocidades.

Sendo conhecido pelo encaixe suave das marchas, forte aceleração em baixas rotações e com resposta suave do acelerador, é a combinação ideal entre estilo e entrega para quem quer pegar a estrada sem preocupação.

No quesito consumo de combustível da Super Meteor 650, se seguir a mesma média de suas irmãs, ela deve fazer algo próximo dos 25 km/l.

Esse consumo, junto ao tanque com capacidade para 15,7 litros, pode dar uma autonomia na casa dos 390 km por tanque.

5) Dimensões

Um ponto estratégico que a Royal garantiu para seu novo modelo é que ele fosse ergonômico. Então veremos um pouco das suas dimensões.

Uma vez que a nova Super Meteor 650 aposta no estilo de moto Cruiser, ou seja estradeira, o modelo tem altura de assento baixa, com 740 mm entre o ponto mais alto do banco e o solo.

Já pensando na ergonomia e conforto de uma fora geral, a motocicleta também tem seus apoios de pés do piloto montados perto da frente do motor e seu guidão é alto e fica próximo do piloto, visando uma condução mais relaxada.

Um ponto a se ficar atento é seu peso total. Com 241 kg em ordem de marcha, ou seja, pronta para rodar, a novidade se torna a moto mais pesada da Royal no mercado.

Apesar de poder ser considerada uma moto baixa, esse peso elevado vai gerar dificuldades principalmente na hora de manobrar a moto parada, quando estiver chegando ou saindo de algum lugar.

Mas esse é só um ponto de atenção, pois com a técnica certa e atenção sempre em dia, não haverá dificuldades.

6) Suspensões 

Entrando mais a fundo na parte técnica da novidade, você sabia que a Super Meteor 650 é a primeira moto da Royal a vir com suspensão dianteira invertida?

Isso mesmo, a novidade é a primeira motocicleta da marca a contar com garfo invertido na dianteira. Com tubos largos, esse tipo de suspensão permite copiar melhor os asfalto e garantir uma melhor dinâmica de pilotagem e para a Super Meteor ela é da marca Showa e tem 120 mm de curso.

Já na traseira, a suspensão é composta por dois amortecedores, possui curso de 101 mm de curso e oferece até cinco níveis de ajuste de pré-carga da mola, deixando a suspensão mais “firme”, para uma pilotagem mais eficiente, ou mais “solta”, pensando no conforto.

7) Painel e tecnologias

Apesar do estilo mais clássico e típicos de uma moto da Royal, a nova Super Meteor traz boas tecnologias.

O primeiro destaque tecnológico do modelo é o seu painel de instrumentos.

Dotado de velocímetro analógico aliado a uma pequena tela LCD central, ele traz informações essenciais, como nível de combustível, relógio e hodômetro, além de informações adicionais, como conta-giros e indicador de marcha engatada.

O ponto alto desse painel é a pequena tela redonda do lado direito. Chamada de Tripper Navigation, essa tela traz informações de navegação GPS curva a curva, mostrando as direções a seguir para chegar no destino traçado.

O sistema funciona junto do aplicativo da Royal Enfield instalado no smartphone e conexão via Bluetooth.

Além do Tripper, outro toque de tecnologia no modelo é a existência de uma entrada de cabo USB, localizada discretamente na carenagem lateral esquerda.

8) Capacidade do conjunto

Voltando a falar da parte técnica, vamos ver mais algumas especificações da Super Meteor 650.

Como mencionado, o modelo tem tanque de combustível com capacidade para 15,7 litros e ele também traz pneus largos e sem câmara.

As rodas, de liga leve, tem 19 polegadas na frente e 16 atrás, enquanto que os freios, a disco nas duas rodas, são grandes e possuem diâmetro de 320 mm na dianteira e 300 mm na traseira.

9) Super Meteor 650 Preço

Finalmente o preço da Super Meteor 650 foi divulgado. Porém, apenas no mercado indiando.

Por lá, chegando com três opções de acabamento e cores, o preço parte das 348.900 rúpias para a Super Meteor 650 e chegam as 378.900 rúpias para a versão topo de linha Tourer. Estamos falando de pouco mais de R$ 22 mil (R$ 22.013) em conversão direta para a primeira e quase R$ 24 mil (R$ 23.906) para a segunda.

Para o Brasil, a Royal ainda não divulgou o preço oficial.

10 Super Meteor 650 no Brasil?

Mas afinal, a nova Super Meteor 650 será lançada no Brasil? E o seu preço, como fica?

Segundo a Royal Enfield, a Super Meteor 650 estará disponível no Brasil ainda em 2023 e será montada na sua nova fábrica através do sistema CKD em Manaus (AM).

Por aqui, o modelo deverá ser uma alternativa mais acessível a Kawasaki Vulcan S 650, que tem preço sugerido de R$ 49.530,00.

Na Europa, a Super Meteor está sendo vendida com uma diferença de cerca de 450 Euros em relação a sua irmã de 650cc Continetal GT.

Aqui no Brasil a Continetal GT é oferecida por cerca de R$ 30 mil, logo, podemos imaginar que a Super Meteor Tourer, na versão mais cara, deva ficar em torno dos R$ 32 mil, enquanto que a versão de entrada seja um pouco mais barata.

Fonte< https://www.motorede.com.br/10-fatos-super-meteor-650/

Inscreva-se em nosso Canal no YouTube: The Riders

Histórias incríveis!

Notícias relacionadas

Honda VT600C Shadow by Tumulte: Uma segunda vida!

Marcelo Nunes

Harley 2024: Vazamento Quente Revela Novidades Incríveis!

Marcelo Nunes

A melhor moto para viajar?

Marcelo Nunes

Deixe um comentário