fbpx
The Riders Histories
Mundo SpeedRiders-Speed

Gresini renova com Ducati por dois anos e confirma Álex Márquez para temporada 2024

A Gresini anunciou na manhã desta quinta-feira (10) a permanência de Álex Márquez na equipe na temporada 2024 da MotoGP. Equipe de Nadia Padovani também confirmou a renovação do vínculo com a Ducati até 2025

Mais uma peça encaixou no quebra-cabeças da MotoGP para a temporada 2024. Sem surpresas, a Gresini anunciou na manhã desta quinta-feira (10) a renovação de Álex Márquez para o próximo ano. Além disso, a equipe de Nadia Padovani confirmou que seguirá como cliente da Ducati até 2025.

A permanência do caçula dos Márquez na equipe não surpreende, já que vinha sendo antecipada pela Ducati há algumas semanas. Além disso, na noite de quarta-feira, a Gresini reproduziu um post de 2017 do ex-jogador Gerard Piqué, quando o espanhol confirmava a permanência de Neymar no Barcelona com a frase ‘Se queda’ [Fica, em tradução livre].

No último sábado, o piloto que foi campeão de Moto3 Moto2 subiu ao topo do pódio na classe rainha do Mundial de Motovelocidade pela primeira vez, com um triunfo na corrida sprint do GP da Grã-Bretanha. O resultado na prova curta, contudo, não conta nas estatísticas.

“Estou muito feliz em continuar com a equipe”, disse Álex, que estreou com moto Ducati neste ano, após três temporadas correndo com Honda. “Sempre manifestei essa minha vontade e, quando as coisas estão no caminho certo, é até mais fácil chegar a um acordo”, seguiu.

“Seguir juntos na próxima temporada é chave para seguir crescendo com essa moto e, com esta equipe, tudo será mais fácil”, avaliou. “Antes de mais nada, gostaria de agradecer Nadia e toda a equipe, que me fazem sentir em casa desde o primeiro dia. Vamos seguir crescendo e surpreendendo”, prometeu.

Além de celebrar a permanência de Álex na equipe, Padovani também comemorou a renovação com a Ducati, que seguirá fornecendo as Desmosedici para a time de Faenza até 2025.

“Antes de tudo, Álex é uma pessoa maravilhosa e foi um prazer recebê-lo na nossa família Gresini. Os resultados falam por si e foi um passo lógico para nós continuarmos juntos e subir ainda mais o sarrafo”, disse Nadia. “Ele já conseguiu uma vitória e uma pole-position no ano de estreia com a Ducati, mostrando logo de cara que podia batalhar com os melhores. Vamos tentar encontrar continuidade juntos na próxima temporada”, continuou.

“Gostaria de agradecer toda a família Ducati, já que continuaremos com eles por mais dois anos. Já mostramos que somos uma boa combinação neste ano, assim como em 2022, então a meta é superar e manter a empolgação”, completou.

Chefe da Ducati Corse, a divisão de corridas da casa de BolonhaGigi Dall’Igna celebrou a manutenção da parceria com a Gresini.

“Estamos encantados em continuar a ter a Gresini Racing MotoGP na família Ducati por mais duas temporadas”, começou. “Eles são uma marca extremamente profissional e, ao longo dos anos, mostraram que têm potencial para aspirar por grandes resultados. Ano passado, eles conquistaram quatro lindas vitórias com a nossa Desmosedici GP e este ano já conseguiram um pódio, uma pole-position e uma vitória na última corrida sprint com Álex Márquez. Temos certeza de que, juntos, vamos alcançar ainda mais sucesso no futuro e continuar a crescer corrida a corrida”, encerrou.

MotoGP retoma suas atividades no fim de semana do dia 20 de agosto, com o GP da Áustria, a ser disputado no Red Bull Ring. O GRANDE PRÊMIO faz a cobertura completa do evento, assim como das satélites Moto2Moto3 e MotoE.

Notícias relacionadas

Nova CBR 1000RR 2019

Marcelo Nunes

MOTOGP, BINDER (2.º): VI UMA OPORTUNIDADE

Marcelo Nunes

Márquez bate Dovi, vence em Aragão

Marcelo Nunes

Deixe um comentário