The Riders Histories
Mundo Speed

KTM REVELA CORES DAS MOTOS PARA 2021

A KTM apresentou oficialmente as cores das duas equipes que representam a fabricante austríaca na MotoGP. Além do time oficial, que nesta temporada conta com Brad Binder e Miguel Oliveira, a marca fornece motos para a Tech3, time satélite que tem Iker Lecuona e Danilo Petrucci como pilotos. 

Brad Binder e Miguel Oliveira

As cores do time oficial, patrocinado pela Red Bull, seguem basicamente as mesmas – na exibição das cores, a KTM utilizou as RC16 de 2020 – mas as cores da Tech3 precisariam mudar em relação ao que se viu no ano passado, já que a equipe satélite perdeu o patrocínio da marca de bebidas energéticas. 

Com isso, a KTM e a Tech3 optaram por dar destaque para a fabricante, com o logo da KTM em dimensões significativas na carenagem e o predomínio do tradicional laranja que é visto nas motos de rua da fabricante austríaca. 

“Após um 2020 incrível em que vencemos duas corridas, mal podemos esperar pelo início desta temporada. Será um ano especial para todos nós da Tech3, pois agora temos a certeza de que a RC16 é uma moto para lutar por poles, pódios e vitórias. Temos um novo piloto com muita experiência: Danilo é uma pessoa carismática, focada e motivada, que não vê a hora de entrar na pista. Iker segue conosco, confiamos e esperamos muito dele. Ele já não é mais um novato, chegou a hora de ele brilhar”, disse Hervé Poncharal, chefe da Tech3.

“Como chefe de equipe, devo dizer que os dois primeiros anos com a KTM foram como um sonho. A evolução de 2019 para 2020 foi incrível e, sinceramente, mesmo acreditando no potencial da KTM, o que vimos superou e muito as expectativas. Somos uma equipe feliz, todos estão ansiosos pelo início do campeonato, mas antes de ir para o Catar, houve este grande momento para a KTM e para a Tech3 que foi esta apresentação. Vamos correr com as cores oficiais da KTM, o que é uma prova do quanto nossa parceria é importante. Ao mesmo tempo, isso faz com que tenhamos que nos esforçar ainda mais e seguir trabalhando duro. Sabemos a marca que represntamos e o quanto vestir uma moto com as cores da fábrica é importante”, acrescentou o dirigente.

Apesar do bom desempenho e das três vitórias em 2020 – uma do time oficial, com Binder, e duas da Tech3, com Oliveira – Pit Beirer, diretor esportivo da KTM, é cauteloso em relação às chances da fabricante para esta temporada.

“A jornada na MotoGP tem sido um sonho até o momento. Tudo começou com o sonho de vencer uma corrida, então é fantástico olhar para trás e ver onde chegamos. Entretanto, não quero chegar e dizer que somos candidatos ao título. Creio que essa pressão ainda está sendo exercida sobre outras fabricantes. Mas estamos muito felizes com essas três vitórias, o sonho se tornou realidade. Elas já estão registradas na história e sem dúvida queremos mais”, completou Beirer.

Notícias relacionadas

Ducati Panigale V4 R 2019

The Riders

NA ÚLTIMA CURVA, OLIVEIRA VENCE A PRIMEIRA NA MOTOGP

The Riders

Honda CB 1000R customizada pode antecipar nova versão

The Riders