The Riders Histories
Mundo Speed

MotoGP 2020: Morbidelli marcar a primeira vitória na categoria rainha.

 A MotoGP 2020 está imprevisível. Em seis etapas tivemos cinco vencedores, sendo que quatro deles nunca tinham recebido a bandeirada no primeiro lugar na categoria rainha. Assim, o mais recente episódio dessa história foi escrito com o troféu de Franco Morbidelli (21, Petronas Yamaha SRT), na manhã deste domingo, em Misano, na Itália.

Desta forma, o GP de San Marino marcou a conquista inédita do jovem italiano. Além disso, teve um resultado histórico também para Francesco Bagnaia (63, Pramac), que faturou seu primeiro pódio na categoria rainha, onde chegou em 2019, ao conquistar o segundo lugar. O terceiro posto foi conquistado por Joan Mir (36, Suzuki Ecstar Team).

MotoGP: vitória de Morbidelli, pódio de Bagnaia e corrida morna

Exceto por marcar a primeira vitória de Morbidelli e o primeiro pódio de Bagnaia, a corrida foi morna. Franco largou do segundo lugar e assumiu a ponta já na primeira volta, numa vitória flag to flag, ampliando sua diferença (que chegou a 3 segundos) para os demais a cada volta.

Do mesmo modo, Valentino Rossi (46, Monster MotoGP Yamaha) fazia uma corrida tranquila no segundo posto, distante tanto do líder como do terceiro colocado, posto ainda ocupado por Jack Miller (43, Pramac).  Até que, a oito voltas do fim, foi ultrapassado por seu pupilo Francesco. Assim, ficou de fora do que seria seu 236º pódio.

Apenas nas voltas finais houve emoção. Enquanto Morbidelli caminhava para um vitória iminente e se preocupava apenas em administrar a vantagem, assim como Bagnaia estava seguro na segunda colocação, Rossi tentava defender o último lugar do pódio das investidas de Alex Rins (42, Suzuki Ecstar). Entretanto, na volta final Mir surge na disputa, deixa o colega de equipe para trás, ultrapassa Valentino e garante o terceiro lugar.

Como fica a classificação

Ah, a prova ainda teve outro acontecimento marcante. O então líder do campeonato, Fabio Quartararo (20, Yamaha Petronas SRT), que largou da primeira fila caiu. Sozinho. Então retornou na última colocação, passou pelos box e caiu, novamente, 13 voltas depois. Sim, duas quedas na mesma prova, sem ser prejudicado ou tocado por qualquer outro piloto. Deste modo, teve uma prova para esquecer.

Além das quedas do líder, outro fato a considerar foi o desempenho apenas regular do segundo colocado na classificação geral, Andrea Dovizioso (04, Ducati Team), que concluiu a prova na sétima colocação. Assim, o campeonato sem Marc Márquez está totalmente em aberto.

Desta forma, Dovi é o novo líder, com 76 pontos. Atrás, vem Quartararo (70), Jack Miller (64), Mir (60), Maverick Viñales (58), Rossi (58), Morbidelli (57), Brad Binder (53) e Taakai Nakagami (53). Ou seja, há oito pilotos com menos de 20 pontos de diferença para o líder o ainda restam oito provas pela frente.

Quando será a próxima corrida da MotoGP

Com calendário reduzido e adaptado em virtude da pandemia, a MotoGP segue um ritmo acelerado neste segundo semestre. Assim, equipes e pilotos se organizam para a segunda prova em Misano, que será disputada já no próximo domingo e 20 de setembro. Além disso, o encontro será válido também como rodada dupla da MotoE.

1ª etapa: 19/7 – GP da Espanha – Jerez + MotoE
2ª etapa: 26/7 – GP de Andaluzia – Jerez + MotoE
3ª etapa: 9/8 – GP da República Tcheca – Brno
4ª etapa: 16/8 – GP da Áustria – Red Bull Ring
5ª etapa: 23/8 – GP da Estíria – Red Bull Ring
6ª etapa: 13/9 – GP de San Marino – Misano + MotoE
7ª etapa: 20/9 – GP de Emília-romanha – Misano + MotoE
8ª etapa: 27/9 – GP da Catalunha – Barcelona
9ª etapa: 11/10 – GP da França – Le Mans + MotoE
10ª etapa: 18/10 – GP de Aragão
11ª etapa: 25/10 – GP de Terue – Aragão
12ª etapa: 8/11 – GP da Europa – Ricardo Tormo
13ª etapa: 15/11 – GP da Comunidade Valenciana – Ricardo Tormo
14ª etapa: 22/11 – GP de Portugal – Algarve

Resultado 6ª etapa da MotoGP – GP de San Marino

1) Franco Morbidelli – 21, Yamaha
2) Francesco Bagnaia – 43, Ducati
3) Joan Mir – 36, Suzuki
4) Valentino Rossi – 46, Yamaha
5) Alex Rins – 42, Suzuki
6) Maverick Viñales – 12, Yamaha
7) Andrea Dovizioso – 04, Ducati
8) Jack Miller – 63, Ducati
9) Takaai Nakagami – 30, Honda
10) Pol Espargaro – 44, KTM
11) Miguel Oliveira – 88, KTM
12) Brad Binder – 33, KTM
13) Aleix Espargaro – 41, Aprilia
14) Iker Lecuona – 27, KTM
15) Johann Zarco – 5, Ducati
16) Danilo Petrucci – 9, Ducati
17) Alex Márquez – 73, Honda
18) Stefan Bradl – 6, Honda
19) Bradley Smith – 38, Aprilia

OUT
Tito Rabat – 53, Ducati
Fabio Quartararo – 20, Yamaha

Notícias relacionadas

Peter Hickman vence o TT da Ilha de Man 2019

The Riders

MotoGP: Rossi “99% certo” que correrá pela Petronas Yamaha em 2021

The Riders

Quartararo abre vantagem na liderança da MotoGP.

The Riders