fbpx
The Riders Histories
Mundo Speed

MotoGP cancela GP da Itália e não corre em Mugello

Mais uma baixa no calendário da temporada 2020 da MotoGP. 

Programada para o final de maio, a etapa já havia sido adiada anteriormente por causa da pandemia do novo coronavírus. Porém, agora com o remanejamento de outras corridas, o evento italiano está oficialmente cancelado.

Paulo Poli, CEO do Circuito de Mugello, destaca que não faltaram esforços para a realização da prova, mas lamenta a ausência da prova na temporada 2020 da MotoGP. “Agradecemos a todos os nossos fãs que sempre nos apoiaram nos últimos meses. Os convidamos a voltar em 2021 para o que será, como sempre, um dos eventos mais emblemáticos da temporada”.

Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna (Divulgação)

Para Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna Sports, a ausência de Mugello em 2020 é uma grande perda para a MotoGP: “É com o coração pesado que anunciamos esse cancelamento. Infelizmente não encontramos uma solução para os problemas logísticos e operacionais resultantes da reorganização do calendário e não visitaremos o circuito nesta temporada. Esperamos que a situação melhore e estamos ansiosos para voltar a Mugello em 2021”.

Com o cancelamento da corrida em Mugello, a temporada 2020 já totaliza oito provas canceladas: Itália, Catar, Alemanha, Holanda, Finlândia, Gra-Bretanha, Austrália e Japão. A temporada 2020 da MotoGP deve começar entre o final de julho e o início de agosto, com a realização de ao menos 13 etapas, e a decisão final sobre a realização de corridas fora da Europa será oficializada nos próximos dias.

Notícias relacionadas

MOTOGP, ALEIX ESPARGARÓ (DNF): “NÃO FOI CULPA DO BRAD E ARRUINEI-LHE O SPRINT”

Marcelo Nunes

Triumph Daytona 660: Descubra todos os detalhes aqui!

Marcelo Nunes

Este Suzuki Hayabusa é o Turbo Busa definitivo

Marcelo Nunes

Deixe um comentário