fbpx
The Riders Histories
Notícias

Scoop: Honda GB350 em três variantes distintas

A Honda GB350 faz enorme sucesso em países como a Índia e Japão, o que pode incentivar a marca a oferecer diferentes versões contruídas sob a mesma base: café racer, scrambler e custom.

Fontes japonesas sugerem que na primavera de 2024 veremos três modelos derivados da Honda GB350, uma moto que se tornou um enorme sucesso no seu país de origem. Em 2022, foram vendidas 12.197 unidades no Japão , tornando-se assim a moto de maior sucesso na classe 251-400 cc. O segundo modelo mais vendido no Japão neste segmento foi a Honda CB400SF/SB (4.536 unidades).

Na Índia, o fabricante oferece a H’ness CB350 e agora a Honda patenteou o nome “ GB350C ”, o que pode significar a chegada de uma custom para complementar a bem-sucedida linha Rebel. Além de se destacar, principalmente no gigantesco mercado indiano, onde a Royal Enfield Meteor 350 detém uma posição dominante.

A segunda possibilidade seria uma scrambler , um pouco nos moldes da Triumph Scrambler 400 X que vai chegar à Europa no início de 2024. Esse tipo de moto em países como a Índia, onde ainda existem umas quantas estradas não pavimentadas, tem um apelo especial. A terceira possibilidade, da qual já falamos em outras ocasiões, e que talvez seja a mais exclusiva, é uma Honda GB350 café racer com “tela estreita” à la Ducati 750 SS dos anos 70 e cauda monolugar.

Enfim, a tendência atual seguida por vários fabricantes é criar produtos diferentes com a mesma base (motor) e é isso que a marca alada poderia fazer com a sua bem-sucedida GB350. Vamos ver.

Fonte: Moto1 Pro e Young Machine

Inscreva-se em nosso Canal no YouTube: The Riders e conheça histórias incríveis do mundo biker!

FONTE: https://motomais.motosport.com.pt/motos/scoop-honda-gb350-em-tres-variantes-distintas/?doing_wp_cron=1693218798.3921511173248291015625

Notícias relacionadas

‘Tiger Tour’ anima Triumph Algarve

Marcelo Nunes

Descubra as Novas Triumphs Scrambler 400 X e Speed 400

Marcelo Nunes

Motos em pedaços: nova onda de furtos dispara e deixa motociclistas a pé

Marcelo Nunes

Deixe um comentário