The Riders Histories
Notícias

Scooter elétrica Honda EM1 e: saiba tudo

A primeira scooter elétrica da Honda destinada ao mercado mundial foi apresentada em novembro passado, no EICMA – o Salão de Milão, Itália –, ocasião em que foram divulgados apenas informações genéricas do modelo. Agora, no centro de pesquisa e desenvolvimento da Honda Europa, situado em Offenbach, Alemanha, detalhes definitivos do modelo foram divulgados.

Honda EM1 e: é uma scooter leve, de apenas 95 kg, com pico de potência de 1,7 kW (2,3 cv) e um espetacular torque de 90 Nm (9,1 kgf.m) proporcionado por um motor trifásico sem escovas posicionado na roda traseira. A velocidade é limitada a 45 km/h para atender a legislação de ciclomotores com motores convencionais de 50 cc. A autonomia é de mais de 40 km (48 km no modo ECON), garantida por uma bateria de íons de lítio de 50,3V e 29,4 Ah.

Pensada para ser uma scooter urbana, destinada a curtos trajetos, a Honda EM1 e: se vale do prático sistema Honda Mobile Power Pack e uma bateria que pode ser retirada da scooter e recarregada em casa com um dispositivo de uso doméstico refrigerado a ar de 270 W, que permite uso em tomadas de energia comuns de 100-240 V AC.

O tempo de recarga de uma bateria “zerada” é de cerca seis horas. Já uma bateria com 25% de carga pode alcançar os 75% em 160 minutos. Uma grande vantagem do EM1 e: é justamente o sistema Honda Mobile Power Pack e, a bateria removível e facilmente transportável, que permite substituição sem ter de esperar o tempo de recarga.

Situada sob o assento, a bateria não impediu a existência de um porta-objetos com capacidade de 3,3 litros. A praticidade do EM1 e: é complementada pela plataforma plana para os pés do piloto e um prático bauleto de 35 litros.

A ergonomia caprichada permite à scooter Honda EM1 e: uma ótima posição de pilotagem, na qual se destaca o completo painel digital e porta-objetos no escudo frontal onde há espaço para uma pequena garrafa de água à esquerda e acesso a porta USB na direita.          

Na parte ciclística, destaca-se o chassi tubular com suspensão telescópica na dianteira e roda aro 12. Atrás, a roda aro 10 se vale de dois amortecedores. A frenagem conta com disco dianteiro e tambor traseiro, comandados pelo sistema CBS – Combined Braking System.

Outra grande novidade da scooter Honda EM1 e: é o modo de comercialização, que de acordo com o país poderá ser por leasing, aluguel ou assinatura por períodos pré-determinados. Deste modo, durante todo o ciclo de existência da scooter, aos clientes caberá apenas desfrutar da extrema praticidade do modelo, sem se preocupar com aspectos relacionados à continuidade de performance do Honda Mobile Power Pack e nem sobre o importante aspecto do descarte.

A Honda EM1 e: é a primeira de uma série de veículos Honda pensados para alcançar o importante objetivo de oferecer produtos neutros em carbono até o ano de 2050, demonstração clara de compromisso com a mobilidade sustentável e com tecnologias voltadas ao bem-estar da sociedade e extrema praticidade. Enfim, é o futuro que já chegou no presente.

FONTE: HONDA

Notícias relacionadas

KTM, MOTO DO ANO 2023: E OUTROS CANDIDATOS?

Marcelo Nunes

As 3 Motos Honda Mais Baratas do Momento

Marcelo Nunes

Aconteceu em Daytona – Yamaha TZ 250 Netinho – 1983

Marcelo Nunes

Deixe um comentário