fbpx
The Riders Histories
Clássicas

Yamaha RD350 Viúva Negra – A Moto que Marcou uma Era

Yamaha RD350 Viúva Negra

A lendária Yamaha RD350 Viúva Negra, isto mesmo, carinhosamente conhecida como “Viúva Negra”, revolucionou o mundo das motocicletas com seu motor de dois tempos de alta performance e design icônico. Desde seu lançamento na década de 1970 até os dias de hoje, sua influência e legado perduram, deixando uma marca indelével no motociclismo.

Origens e Desempenho

A Yamaha RD350 foi uma das primeiras motocicletas de produção em massa a apresentar um motor de dois tempos refrigerado a ar. Seu motor de 2 cilindros entregava uma potência significativa para a época, tornando-a uma máquina poderosa tanto nas estradas quanto nas pistas.

A configuração inicial do modelo RD 350, equipada com um motor de 347 cm3, gerava 39 cv de potência a 7.500 rpm e um torque máximo de 3,8 m.kgf a 7.000 rpm. Com um peso relativamente leve de 143 kg, a Viúva Negra alcançava uma velocidade máxima de 166 km/h e atingia 0 a 100 km/h em aproximadamente 7 segundos.

Yamaha RD350 Viúva Negra
Yamaha RD350 Viúva Negra

Evolução e Legado

Ao longo dos anos, a RD350 passou por várias modificações estéticas e mecânicas, evoluindo para se tornar a motocicleta esportiva mais icônica da Yamaha. Seu legado é evidente não apenas nas ruas, mas também nas pistas de corrida, onde pilotos talentosos exploravam seu potencial e estabeleciam sua reputação como uma verdadeira máquina de competição.

O apelido “Viúva Negra” surgiu devido à sua reputação de exigir habilidade e destreza dos pilotos, bem como alguns acidentes fatais associados ao modelo. No entanto, sua popularidade continuou a crescer, alimentando uma comunidade fervorosa de entusiastas e colecionadores.

Leia também:

Impacto Cultural e Popularidade Duradoura

A RD350 transcendeu seu status de simples motocicleta para se tornar um ícone cultural. Sua influência pode ser vista em modelos posteriores e ainda inspira o desenvolvimento de motocicletas modernas de alto desempenho. Clubes, fóruns online e encontros dedicados à Viúva Negra continuam a prosperar, mostrando seu impacto duradouro no mundo das motocicletas.

Nos Dias Atuais

Embora não seja mais produzida, a Yamaha RD350 mantém seu status de culto entre os entusiastas. Os modelos bem preservados são altamente valorizados, e o interesse por essa lendária moto permanece forte. O renascimento do interesse por motocicletas clássicas trouxe a RD350 de volta ao centro das atenções, com muitos entusiastas trabalhando na restauração e personalização dessas máquinas históricas.

Conclusão

A Yamaha RD350 Viúva Negra é muito mais do que uma simples motocicleta. É um símbolo de inovação, desempenho e paixão que continua a acelerar os corações dos amantes de motocicletas em todo o mundo. Seu impacto cultural, legado tecnológico e apreço contínuo dos entusiastas são testemunhos de sua posição única na história do motociclismo.

Leia também:

Yamaha RD350 Viúva Negra Ficha Técnica

Motor:

  • Tipo: Dois tempos, refrigeração a ar
  • Cilindros: 2 cilindros em linha
  • Cilindrada: Cerca de 347 cc
  • Sistema de Alimentação: Carburador
  • Potência máxima: Aproximadamente entre 39 a 50 cavalos de potência, dependendo da versão e do ano específico

Transmissão:

  • Tipo: Câmbio manual
  • Marchas: Geralmente, equipada com um câmbio de seis marchas

Sistema Elétrico:

  • Sistema de Partida: Elétrica

Chassi e Suspensão:

  • Suspensão Dianteira: Garfo telescópico convencional
  • Suspensão Traseira: Sistema de duplo amortecimento
Yamaha RD350 Viúva Negra
Yamaha RD350 Viúva Negra

Freios:

  • Dianteiro e Traseiro: Freio a disco

Peso e Capacidade:

  • Peso: Varia em torno de 150-160 kg (peso seco)
  • Capacidade do Tanque: Geralmente em torno de 16-18 litros

É importante ressaltar que, embora estas sejam especificações gerais para a Yamaha RD350 durante os anos 80, houve variações e atualizações ao longo dos anos, podendo haver diferenças entre os modelos de diferentes anos ou entre versões específicas lançadas em mercados distintos.

Continue navegando no portal The Riders e acelere com a gente!

Acesse nossas sessões Riders CustomRiders Speed, Riders TrailRiders ElétricaRiders Cross e fique ligado nas novidades! 

Notícias relacionadas

Motos que mudaram a história

Marcelo Nunes

Laverda RGS 1000 1983: Italiana à venda no Japão

Marcelo Nunes

Moto dos sonhos: Honda RC30 1987, uma das 1000 primeiras!

Marcelo Nunes

Deixe um comentário