fbpx
The Riders Histories
Mundo SpeedRiders-Speed

Bagnaia confirma ida a San Marino e avisa: “Vou dar meu melhor para poder correr”

Praticamente ileso após o grave acidente que sofreu no GP da Catalunha do último domingo, Francesco Bagnaia confirmou que vai a Misano para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini deste fim de semana. O campeão vigente precisa, porém, da autorização dos médicos para poder correr

Francesco Bagnaia está de volta. Praticamente ileso após o assustador acidente que sofreu no GP da Catalunha do último domingo, o campeão vigente confirmou que vai a Misano para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini deste fim de semana. O italiano precisa, porém, da liberação do diretor-médico da MotoGP, Dr. Ángel Charte, e do médico da pista para poder correr.

Ainda nos primeiros metros da corrida em Barcelona, Pecco foi ejetado da Ducati #1, caiu violentamente no asfalto e foi atropelado por Brad Binder, que não conseguiu desviar das pernas do líder do campeonato. Atendido na pista, Bagnaia foi levado ao centro médico, onde exames mostraram uma lesão que os médicos não souberam diagnosticar como nova ou antiga.

O pupilo de Valentino Rossi, então, foi levado a um hospital local para fazer tomografia, que não apontou nenhuma lesão. Apesar do susto, o irmão de Carola Filippo deixou o hospital ainda no domingo, caminhando apenas com o auxílio de muletas.

Apesar de não ter fraturas, Pecco tem vários hematomas e terá de se submeter a uma avaliação física obrigatória na quinta-feira antes de poder subir na Desmosedici.

“Na noite de domingo, voltei para casa com a equipe e, depois de descansar um pouco, comecei imediatamente a me preparar para voltar à pista em Misano”, disse Bagnaia. “Na quinta-feira, vou passar pelo check-up médico no circuito e se, como espero, os médicos me derem o OK, poderei ir para a pista para o primeiro treino do meu GP de casa”, seguiu.

“O GP de San Marino é sempre um evento especial para nós, pilotos italianos, e, especialmente para nós, pilotos Ducati”, destacou. “Vou dar o meu melhor para poder correr no sábado e no domingo”, avisou.

Companheiro de Ducati, Enea Bastianini também se acidentou em Barcelona, na curva 1, mas não saiu ileso. Com fraturas na mão e no tornozelo esquerdos, o #23 precisou de cirurgia e não vai correr em Misano. A Ducati optou por não substituir o italiano.

MotoGP retoma as atividades no fim de semana do dia 10 de setembro, com o GP de San Marino e Riviera de Rimini, a ser disputado em Misano. O GRANDE PRÊMIO faz a cobertura completa do evento, assim como das classes menores Moto2Moto3 e MotoE.

fonte: https://www.grandepremio.com.br/motogp/noticias/francesco-bagnaia-confirma-ida-san-marino-avisa-vou-dar-meu-melhor-poder-correr/

Notícias relacionadas

Rossi, atuação na Argentina mostra que ‘versão 2019’ ainda é grande

Marcelo Nunes

Rins vence em Austin e encerra jejum da Honda na MotoGP

Marcelo Nunes

MOTOGP RAÚL FERNÁNDEZ (DNF): “PARECIA UMA TARTARUGA EM CADA TRAVAGEM”

Marcelo Nunes

Deixe um comentário