fbpx
The Riders Histories
Notícias

Honda Navi: A Moto Automática Mais Acessível na Argentina

Honda Navi

Descubra a revolucionária Navi, uma opção econômica e prática da Honda. Entenda suas características únicas e por que é a escolha inteligente.

No início de janeiro, a Honda Motos da Argentina anunciou a produção local da Navi, uma moto indiana vendida em mercados-chave, como os EUA.

Nos países em que é comercializada, a Navi geralmente é a opção mais acessível no catálogo da montadora, exatamente como nos EUA.

Recentemente, a Honda iniciou as vendas da nova Navi no mercado argentino. Lá, a motocicleta é anunciada a partir de 1.680.000 pesos, aproximadamente R$ 9.361 em nossa moeda, conforme a conversão direta.

Contudo, para efeito de comparação, a Honda Pop 110i, modelo mais econômico da empresa no Brasil, tem um preço inicial de R$ 9.570, sem considerar o frete.

Certamente, apesar de ser menor que a Pop 110i, a Navi já oferece a vantagem de contar com um câmbio automático do tipo CVT.

Entretanto, a produção da Honda Navi na Argentina será realizada na linha de montagem de Campana, que possui a capacidade de produzir 112 mil motocicletas atualmente.

Adicionalmente, a previsão da marca é que a scooter alcance aproximadamente 3.000 unidades vendidas no mercado argentino até o final de 2024. Contudo, isso não implica que ela terá chances de chegar ao Brasil.

Além disso, o primeiro motivo é que a Honda Navi ainda utiliza carburador, o que a torna pouco provável de atender às rigorosas normas de emissões de poluentes aplicadas no mercado brasileiro.

Por exemplo, outra razão é que a Honda não comercializa no Brasil nenhuma moto importada da Argentina até o momento.

Leia também:

Certamente, o motor da Honda Navi é um monocilíndrico com a tecnologia Honda Enhanced Smart Power (eSP, também presente na PCX nacional), com 109,2 cm³ de capacidade e refrigeração a ar. O eSP reduz o atrito interno do motor, contribuindo para o aumento da economia de combustível.

Por exemplo, como a Navi foi originalmente projetada para o ambiente urbano, não será surpresa descobrir que ela alcança uma impressionante marca de 46,9 km/l.

Seu layout se assemelha mais ao de uma scooter, com o propulsor recuado próximo à roda traseira. Reforçando essa característica, a Navi possui um câmbio automático CVT. Diferentemente da maioria das scooters, seu design dispensa um escudo frontal para proteger o piloto dos elementos.

Econômica, com uma altura de assento de 784 mm e peso total de apenas 107 kg, a Navi é incrivelmente acessível para motoristas novos de carteira.


Caro amigo aventureiro,

Em conclusão, esperamos que este artigo tenha aguçado sua curiosidade sobre a inovadora Honda Navi. Se você busca uma experiência de pilotagem única, econômica e repleta de estilo, a Navi pode ser a escolha perfeita para suas aventuras urbanas.

Continue conosco no The Riders para mais novidades e análises exclusivas do mundo das motos.

No asfalto ou fora dele, estamos juntos nessa jornada emocionante!

Continue navegando no portal The Riders e acelere com a gente!

Acesse nossas sessões Riders CustomRiders Speed, Riders TrailRiders ElétricaRiders Cross e fique ligado nas novidades! Moto

Notícias relacionadas

Honda CBR 1000RR-R Fireblade SP 2024: As Novidades Que Estão Incendiando as Estradas!

Marcelo Nunes

Campanha “Black Tiger” Triumph: Ofertas Especiais em Família

Marcelo Nunes

Honda CB400 pode regressar à produção no próximo ano

Marcelo Nunes

Deixe um comentário