fbpx
The Riders Histories
Notícias

Lista das Motos mais Vendidas em 2023 Surpreende! Descubra os Favoritos

O ano de 2023 já passou do primeiro semestre, e com isso temos os números para a lista das motos mais vendidas em 2023. O top 10 traz uma grande surpresa e outras consolidações que continuam firmes; confira!

1. Honda CG 160

Honda CG 160 continua liderando a lista das motos mais vendidas no Brasil, contando todas as quatro versões do modelo. A expectativa é de mais de 200 mil unidades vendidas no primeiro semestre de 2023, com a perspectiva de muito mais na segunda parte do ano com os novos modelos.

A linha CG 160 conta com modelos a partir dos 14 mil reais no Start, trazendo motos competentes para rodar nas cidades. Além disso, algumas versões como a Titan contam com tecnologia flexone para abastecer o carro com álcool e gasolina.

2. Honda Biz

Honda Biz também chega no mercado com duas versões: 110cc e 125cc. Ambas trazem uma scooter urbana bem simples, mas muito competente e com o preço a partir dos 11 mil reais. Ao longo do primeiro semestre de 2023, foram quase 100 mil unidades vendidas em todo o país.


3. Honda NXR Bros 160

tradicional Bros continua na lista das motos mais vendidas em 2023, ainda mais pela estrutura forte para rodar na terra. A última versão da Bros 160 sai ao mercado a partir de 18,6 mil reais, e estima-se que já foram comercializadas mais de 70 mil motos.


4. Honda Pop 110i

Honda Pop é uma das motos mais econômicas do Brasil e a mais barata da Honda. O preço de 9.010 reais mais custos de frete motiva as quase 70 mil unidades vendidas no primeiro semestre, o que tende a aumentar bastante na segunda parte do ano.


5. Yamaha Factor 150

Factor 150 é a primeira moto da Yamaha na lista das motos mais vendidas em 2023, com mais de 22 mil unidades comercializadas, já bem abaixo das líderes da Honda.

Nesse sentido, a Factor vem para concorrer diretamente com a CG 160, trazendo uma moto com painel completo com função ECO, motor durável com tecnologia BLUEONE e bom desempenho para o dia a dia nas cidades a partir de 15 mil reais.


6. Yamaha XTZ Lander

A XTZ Lander surpreende na lista das motos mais vendidas em 2023 por se manter a tanto tempo com boa apresentação no mercado. Ao todo foram mais de 20 mil unidades, mantendo-se firme para mostrar a força da marca Yamaha no contexto brasileiro.


7. Yamaha FZ25

A Fazer FZ25 vem com um motor forte e uma carenagem esportiva para rodar nas cidades brasileiras. Em termos de tecnologia, conta com freios ABS nas duas rodas, assento bipartido e iluminação FULL LED.

A moto tem o preço sugerido para além dos 20 mil reais e já foram mais de 20 mil unidades vendidas ao longo do primeiro semestre, contribuindo para a presença da Yamaha na lista das motos mais vendidas em 2023.


8. Honda Twister

A renovação da Honda Twister conseguiu manter a moto entre as 10 mais vendidas em 2023, trazendo agora uma nova versão mais esportiva e com motor de 300cc para o dia a dia urbano.


9. Mottu Sport 110i

A grande surpresa do top 10 é a Sport 110i da Mottu, com mais de 20 mil unidades vendidas no primeiro semestre de 2023. Desse modo, a moto importada da TVS tem grande força no mercado de aluguel, muito em função do baixo preço para o dia a dia.


10. Honda XRE 190

Ao longo de 2023, a linha XRE passou por uma série de especulações, principalmente para a versão 300 e sua permanência para o mercado de lançamentos em 2024.

Nesse sentido, foram mais de 17 mil unidades vendidas, um aumento significativo em relação aos últimos anos. Por fim, a moto preparada para os terrenos mais difíceis custa a partir de 20 mil reais no mercado brasileiro.

Inscreva-se em nosso Canal no YouTube: The Riders e conheça histórias incríveis do mundo biker!

FONTE:https://motos2024.com.br/motos-mais-vendidas-em-2023/

Notícias relacionadas

Desbravando o Futuro: Novas Motos Triumph 2024!

Marcelo Nunes

BMW anuncia novo recurso de chamada de emergência inteligente, linha de motocicletas 2024

Marcelo Nunes

Inteligência Artificial: Kawasaki Inova e moto falará com você!

Marcelo Nunes

Deixe um comentário