fbpx
The Riders Histories
Riders Trail

Honda Africa Twin 2024: Tecnologia de assistência por radar em desenvolvimento

Perspectiva-se um confronto feroz para 2024 entre dois gigantes da indústria de motos, com a icónica Africa Twin da Honda, alegadamente a ser preparada para desafiar a nova R 1300 GS da BMW no competitivo segmento de motos Adventure.

Dessa disputa entre os dois conhecidos fabricantes, talvez venhamos a beneficiar de avanços inovadores e tecnologias de ponta nos seus modelos.

A BMW confirmou o lançamento iminente de sua tão procurada R 1300 GS em setembro deste ano. Com base no sucesso da R 1250 GS, moto essa que promete uma construção revolucionária e inovações significativas, sinalizando um salto significativo no mundo das motos Adventure de maior cilindrda. Por outro lado, a Honda Africa Twin segue um tipo de abordagem diferente, colocando ênfase na capacidade offroad em relação ao touring on-road e à potência musculada.

Apesar do seu foco distinto, ambos os modelos deverão atrair grupos semelhantes de entusiastas pela aventura, criando uma competição empolgante pela fidelidade do cliente em 2024. As apostas são altas e o palco está montado para um confronto notável.

Tecnologia de radar na Africa Twin

Imagem da patente registada para inclusão da tecnologia de radar na Africa Twin

No meio de todo este burburinho e expectativa, surgem agora evidências que apontam no sentido de uma Africa Twin amplamente atualizada. A Honda apresentou discretamente a papelada de homologação para o seu modelo 2024, que curiosamente carrega o código de modelo “SD14”. Esse movimento sinaliza a determinação do fabricante em oferecer uma oferta revolucionária que desafiará a BMW de frente.

Embora os detalhes permaneçam escassos, os recentes registros de patentes da Honda lançam alguma luz sobre possíveis aprimoramentos. Em primeiro lugar, a empresa está a trabalhar na incorporação de radares dianteiros e traseiros no design da moto, semelhante a rivais como a 1290 Super Adventure da KTM, a Multistrada V4 da Ducati e a próxima BMW R 1300 GS.

Esses radares, oferecidos opcionalmente ou de série (ainda não o sabemos), estão preparados para melhorar a segurança e a experiência do motociclista, garantindo que a Africa Twin acompanhe o segmento de motos de aventura na sua rápida evolução.

Entre os desenvolvimentos mais emocionantes está a perspectiva de uma versão com injeção direta de combustível no motor SOHC da Africa Twin. Essa inovação visa elevar o desempenho, aumentar a eficiência de combustível e reduzir as emissões, ressaltando o compromisso da Honda com a consciência ambiental e a excelência em engenharia.

Estudo da Honda sobre a inclusão de um turbo na Africa Twin

Além disso, entusiastas falam sobre a intrigante possibilidade de uma Africa Twin turboalimentada, um cenário que nos parece pouco realista, mas claro que isso traria a Honda a patamares superior de potências, onde já estão os grandes V-twins da KTM e a linha Multistrada V4 da Ducati, tudo sem exigir o desenvolvimento de um motor totalmente novo que seria a opção mais dispendiosa. No entanto, seria mais lógico, e igualmente menos caro, um potencial aumento de cilindrada acima dos atuais 1100cc da Africa Twin.

Inscreva-se em nosso Canal no YouTube: The Riders e conheça histórias incríveis do mundo biker!

fonte:https://motomais.motosport.com.pt/motos/honda-africa-twin-2024-tecnologia-de-assistencia-por-radar-em-desenvolvimento/

Notícias relacionadas

Tesi H2 2020: Disponível para leilão

Marcelo Nunes

Ducati e Lamborghini: Novo Sistema de Comunicação Moto-Carro

Marcelo Nunes

Husqvarna Norden 901 2024: evolução técnica

Marcelo Nunes

Deixe um comentário