fbpx
The Riders Histories
Mundo SpeedRiders-Speed

MOTOGP: BAGNAIA a queda afetou, mas estou feliz no geral

MOTOGP

Fique sabendo, Francesco Bagnaia começou o primeiro dia de testes do MOTOGP em Sepang praticamente com uma queda, que afetou ligeiramente o seu programa para o dia. Ainda assim, o italiano destacou alguns pontos positivos.

MOTOGP: “Havia uma poça molhada no asfalto, eu não vi, mas assim que passei por cima, perdi a frente e caí.

Tive mais sorte do que o Raúl, a queda dele foi maior, talvez tenha sido melhor esperar na box, mas fiquei zangado.

Afetou um pouco, os pneus da queda foram arrefecidos e aquecidos novamente e não estavam a funcionar como esperávamos, as primeiras 20 voltas foram um pouco inúteis, mas pode acontecer.

Leia também:

Tirando isso, trabalhámos muito e estou positivo com o que aconteceu”, disse.

“Estou feliz no geral, houve pontos positivos e negativos.

O trabalho foi positivo, melhorámos os tempos nas últimas voltas com pneus usados, temos de continuar assim. A nova moto ajuda na travagem, estou feliz por isso”, referiu.

MOTOGP, TESTES SEPANG: MARTÍN JÁ BATEU O RECORDE DA PISTA NA PRIMEIRA HORA DA SESSÃO

Jorge Martín (Pramac) vai liderando o segundo dia de testes oficiais de Sepang após a primeira hora de ação. O espanhol fez a sua melhor volta em 1:57.273 minutos, estando à frente de Brad Binder (KTM) por 54 milésimos, com Fabio Di Giannantonio (VR46) em terceiro, a 346 milésimos.

Depois de Martín ter sido o mais rápido do dia de ontem, os pilotos não quiseram esperar e alguns aproveitaram a primeira hora para bater o tempo de ontem do espanhol.

Fabio Quartararo foi o primeiro a fazê-lo, com 1:57.888, até que Marco Bezzecchi, Brad Binder e depois Martín conseguiram rodar ainda mais rápido, com Martín e Binder a conseguirem bater o recorde da pista, feito por Francesco Bagnaia na Q2 do Grande Prémio da Malásia de 2023 (1:57.491).


Em Sepang, Oliveira Busca Velocidade Enquanto Evita Contratempos

Numa altura em que ainda não há quedas a registar no segundo dia, Miguel Oliveira ainda não se aproximou da velocidade dos pilotos da frente, ocupando nesta altura o 20.º lugar, com 1:59.819 minutos, a 2.546 segundos de Martín.

O português efetuou dez voltas ao traçado de Sepang durante a primeira hora de ação, numa sessão em que Raúl Fernández não está presente, por lesão, sendo substituído por Lorenzo Savadori (embora o italiano ainda não tenha voltas efetuadas).

Também Michele Pirro continua a render o lesionado Franco Morbidelli na Pramac.

Top-10 após a primeira hora:
  1. Jorge Martín (Pramac) 1:57.273
  2. Brad Binder (KTM) + 0.054
  3. Fabio Di Giannantonio (VR46) + 0.346
  4. Álex Márquez (Gresini) + 0.399
  5. Marco Bezzecchi (VR46) + 0.594
  6. Joan Mir (Honda) + 0.599
  7. Fabio Quartararo (Yamaha) + 0.615
  8. Francesco Bagnaia (Ducati) + 0.748
  9. Pedro Acosta (GASGAS) + 0.815
  10. Álex Rins (Yamaha) + 0.899
MOTOGP, MARC MÁRQUEZ: “NÃO FOI UMA QUEDA, FOI UM PROBLEMA TÉCNICO”

Enquanto os ecrãs de cronometragem sugeriam que Marc Marquez tinha sofrido a sua primeira queda com a Ducati durante o primeiro dia do teste de Sepang, mais tarde Marc Márquez revelou que tal não aconteceu.

Uma mensagem no ecrã de cronometragem oficial indicava que Marquez tinha caído na Curva 15, a meio do primeiro dos três dias de testes de MotoGP na Malásia.

Mas o novo piloto da Gresini insistiu mais tarde: 

“Na última curva, chamaram-lhe queda, mas não foi uma queda! Foi um problema técnico. Fui contra a gravilha. Mas a direito, não foi um acidente!

“Para além disso, tive um problema na Curva 9. Fui para a box e houve alguns truques com a Ducati que me explicaram. Perguntei: ‘O que é que se passa ali?

Explicaram-me algo que tenho de aprender. Tinha confiança, engrenei a mudança e tive aquele momento.”

MOTOGP, DALL’IGNA E TARDOZZI CONFIANTES NA RENOVAÇÃO DE FRANCESCO BAGNAIA

Portanto. o vínculo de Francesco Bagnaia com a Ducati termina no final desta época, mas os responsáveis da marca de Bolonha acreditam que conseguem convencer o campeão do mundo a prolongar o contrato.

Gigi Dall’Igna “Estamos a trabalhar nisso, não é fácil, assinar um contrato com um bicampeão é algo importante. Estamos a trabalhar e é só isso que posso dizer”

Leia também:

Davide Tardozzi “O nosso objetivo é renovar com o Pecco antes da primeira corrida, estamos a discutir com os seus agentes há algumas semanas. Estamos confiantes que vamos finalizar antes do Qatar”

MOTOGP, IRMÃOS MÁRQUEZ FALAM DA AJUDA PRESTADA A FRANCO MORBIDELLI EM PORTIMÃO

Franco Morbidelli não esteve no primeiro dia de testes de Sepang e é improvável que esteja nos próximos, devido a uma queda sofrida num teste privado em Portimão.

O italiano foi assistido na altura pelos dois irmãos Márquez, que recordaram o sucedido.

Marc Márquez “Sabemos que somos adversários na pista, mas também sabemos o risco que estamos a correr, somos colegas de motociclismo e adoramos.

Quando vês que alguém está a sofrer, neste caso o Morbidelli, num teste privado, em que a ambulância não é tão rápida como num fim de semana de MotoGP, se puderes ajudar, ajudas.

Nós ajudámos, se eu precisar do futuro, outro colega vai ajudar-me”

Álex Márquez “Vimos as bandeiras vermelhas na curva 5 e depois chegámos à saída da curva 8 e ele estava no chão. Estava numa má posição, inconsciente e colocámo-lo numa posição lateral.

Contudo, a ambulância demorou uns dois minutos a chegar, ficámos com ele a ver se reagia. Estávamos preocupados, mas é uma reação humana, parar e ajudar o colega”

Continue navegando no portal The Riders e acelere com a gente!

Acesse nossas sessões Riders CustomRiders Speed, Riders TrailRiders ElétricaRiders Cross e fique ligado nas novidades! Moto

Notícias relacionadas

Triumph Street Triple 765 R e RS 2024

The Riders

Kawasaki Ninja ZX-4RR 2024: Conheça Tudo!

The Riders

Suzuki Hayabusa 2023: Fotos, Ficha Técnica e Preços

The Riders