fbpx
The Riders Histories
Dicas

Segurança: 10 conselhos para Ver e Ser Visto na moto

Se você é um motociclista experiente, saberás com certeza que numa moto é tão importante VER como SER VISTO. Estes dois elementos são essenciais para garantir a nossa segurança, seja na estrada como na cidade, de dia ou à noite. Aqui deixamos algumas ‘dicas’ a considerar especialmente pelos condutores mais jovens.

Ver e Ser Visto na Moto

1. Mantém sempre as luzes acesas

Assegura-te em primeiro lugar de que as luzes da tua moto estão sempre acesas, mesmo durante o dia (por lei as luzes devem estar sempre acesas). Toma cuidado para não conduzires com faróis ou luzes traseiras fundidas porque isso diminui a tua segurança. É fácil verificá-las todas as manhãs antes de partir, com a moto a funcionar enquanto aquece.

2. Não te deixes encadear pelos outros

Tem em atenção que as luzes brancas vindas da frente podem encandear-te, especialmente em túneis ou ao passar por um veículo com os máximos ligados. Recomendamos que desvies o olhar e olhes para a linha branca à tua direita para te manteres na tua faixa de rodagem até que o perigo tenha passado. Da mesma forma, as luzes vermelhas dos veículos à tua frente indicam a direção da estrada e avisam-te das curvas que se aproximam.

Leia também:

Considera acrescentar luzes adicionais, como luzes diurnas ou faróis de nevoeiro. Estas luzes não só melhoram a tua visibilidade, como também aumentam a perceção dos outros condutores. Se o fabricante da tua moto as oferecer como opção essas luzes extra, será mais fácil e evitará teres de te explicar mais tarde quando a inspeção periódica se tornar obrigatória.

3. Usa cores reflectoras

Escolhe vestuário de cores vivas e reflectoras. Por exemplo, um capacete e um colete com elementos reflectores para que possas ser facilmente visto, especialmente em condições de pouca luz e à noite. Tem em atenção que uma moto preta será sempre menos visível do que uma de cor viva. Verde, vermelho, branco… qualquer moto com estas cores será mais visível do que uma completamente preta. No entanto, se preferires a tua moto em tons escuros, tens sempre o vestuário (ou o capacete) com cores como solução.

Existem autocolantes reflectores que são fáceis de aplicar e passam despercebidos durante o dia, até entrarem em ação à noite, quando iluminados pela luz de outros veículos. Uma pequena ajuda para te tornares mais visível e viajares mais seguro.

4. Escolhe bem o equipamento

Algumas marcas concebem os seus produtos com cores de alta visibilidade, como o amarelo ou o laranja. Além disso, algumas peças de vestuário estão equipadas com inserções reflectoras para o tornar mais visível. É essencial ver o melhor possível, por isso é importante usares uma viseira de capacete em perfeitas condições, limpa e sem riscos, para que as luzes não sejam distorcidas e reduzam a tua visão. Obviamente, à noite, escolheres uma viseira escura é a pior solução que existe.

 5. A tua postura na moto

Ao conduzir uma moto, é essencial manteres uma boa posição em relação ao tráfego à tua volta. Muitas vezes, isso faz a diferença entre seres visto e não ser visto. Tem especial cuidado na cidade e nas faixas do ‘bus’.  Os “três quartos” traseiros são o ponto cego mais óbvio (e a tua posição menos segura) em relação a um carro. Recomendamos que deixes espaço à sua volta, com uma ampla margem de segurança, para que tenha uma boa distância para as suas próprias reacções. Indica claramente as tuas intenções utilizando sinais de mudança de direção. Isto ajuda os outros condutores a antecipar os seus movimentos e reduz o risco de colisões.

6. Cuidados com a moto

Certifica-te de que as luzes, os piscas e outros dispositivos de segurança da tua moto estão em boas condições de funcionamento. Uma manutenção correcta garante que todas as funções de segurança estejam operacionais.

7. Evita os ângulos mortos dos outros condutores

Tem em atenção aos ângulos mortos dos veículos à tua volta. Se conseguires ver o condutor através dos espelhos retrovisores, é mais provável que ele também te veja. Evita permanecer em zonas onde não possas ser facilmente ser visto.

8. Mantém uma distância de segurança

Certifica-te de que manténs uma distância segura dos outros veículos. Isto não só te dá mais tempo de reação perante um imprevisto, como também permite que os outros condutores te vejam claramente. À noite, a própria estrada tem armadilhas que podes não assimilar, como manchas de óleo ou gasóleo, poças de água, carris do elétrico, tampas de esgoto ou buracos que podem aparecer e, quando há falta de luz, são sempre mais difíceis de ver.

9. Está atento ao tempo

Não custa nada na noite anterior a sair de casa, observares o estado do tempo para o dia seguinte. Adapta a tua visibilidade às condições meteorológicas. Em dias de chuva ou nevoeiro, por exemplo, aumenta a distância entre ti e os outros veículos e usa vestuário e acessórios reflectores.

10. Lembra-te que o motociclista é quase sempre o ‘elo mais fraco’

Está sempre alerta para poderes antecipar e reagir a possíveis situações de perigo. A antecipação e a atenção constante são fundamentais para a segurança sobre duas ou três rodas, seja em motos ou scooters.

Ao seguir estes conselhos, podes aumentar significativamente a tua visibilidade na estrada e contribuir para a tua própria segurança e a dos outros na estrada.

Continue navegando no portal The Riders e acelere com a gente!

Acesse nossas sessões Riders CustomRiders Speed, Riders TrailRiders ElétricaRiders Cross e fique ligado nas novidades! Moto

Notícias relacionadas

Gasolina Aditivada : Para Motocicletas é a Melhor Escolha!?

Marcelo Nunes

Royal Enfield Classic 350 com Garupa, como é?

Marcelo Nunes

GPS Para Motos: Os 10 Melhores Para você e sua Motocicleta

Marcelo Nunes

Deixe um comentário