fbpx
The Riders Histories
Mundo SpeedRiders-Speed

Stoner diz que retenção de Marc Márquez “depende do compromisso que Honda fizer”

Ex-Honda, Casey Stoner avaliou que a permanência de Marc Márquez vai depender do compromisso que a fábrica japonesa fizer com o hexacampeão. Australiano avaliou, porém, que é difícil saber o que se passa estando de fora

Casey Stoner avaliou que a permanência de Marc Márquez vai depender do “compromisso que a Honda fizer” com o hexacampeão da MotoGP. Na visão do ex-piloto, também é importante entender até onde a casa de Hamamatsu está disposta a ir para manter o espanhol de Cervera.

Márquez tem contrato com a Honda até o fim da temporada 2024, mas se vê meio a inúmeros rumores de saída por conta da falta de performance da RC213V. Além de o descontentamento ser claro, o alto número de lesões dos pilotos da marca é mais um motivo de preocupação.

A Honda saiu de férias com três dos quatro pilotos fora de combate. Marc fraturou uma costela em uma queda na AlemanhaJoan Mir sofreu uma lesão na mão direita na ItáliaÁlex Rins fraturou a perna direita também em Mugello.

“Para mim, depende do compromisso que a Honda fizer com Marc”, disse Stoner à publicação alemã Speedweek. “E até onde eles estão dispostos a ir para fazerem concessões a ele”, seguiu.

“Mas é difícil dizer o que a Honda fará por ele”, avaliou. “Então cabe a Marc. Ele tem de decidir se quer mostrar comprometimento com a Honda ou se quer ir para outra fábrica”, ponderou.

No entanto, Casey avaliou que é impossível saber a real situação de longe.

“É impossível para alguém de fora saber a solução certa”, encerrou.

Muitos rumores apontam para a KTM como destino potencial. No entanto, a fábrica austríaca não tem motos o suficiente para acomodar não só Marc, mas também Pedro Acosta, que deve subir da Moto2 em 2024.

No momento, a marca de Mattighofen tem Brad BinderJack Miller Pol Espargaró com contrato até 2024, enquanto Augusto Fernández é o único cujo vínculo chega ao fim em 2023. A fábrica europeia cogitava alinhar uma nova equipe no grid, mas a Dorna, promotora do Mundial, já descartou aumentar o número de vagas na classe rainha.

Nos últimos dias, surgiram rumores de uma aproximação entre a KTM e a LCR, mas Lucio Cecchinello ressaltou que tem contrato com a Honda para 2024 e assumiu que é muito difícil deixar os japoneses após quase 20 anos de relação.

Inscreva-se em nosso Canal no YouTube: The Riders e conheça histórias incríveis do mundo biker!

fonte: https://www.grandepremio.com.br/motogp/noticias/casey-stoner-retencao-marc-marquez-depende-compromisso-honda/

Notícias relacionadas

CFMoto 450SR: esportiva chinesa estreia no mercado europeu

Marcelo Nunes

Kawasaki Z400RS e Ninja 400SX: novidades de 4 cilindros?

Marcelo Nunes

MOTOGP, TAKAAKI NAKAGAMI: “FAZ SENTIDO A CONTRATAÇÃO DO ZARCO, É POSITIVO PARA A EQUIPA”

Marcelo Nunes

Deixe um comentário