fbpx
The Riders Histories
Notícias

Yamaha E01: A nova scooter elétrica revolucionária que está chegando à Europa em 2024

A Yamaha está pronta para lançar sua mais recente inovação de scooters elétricas no mercado europeu, de acordo com informações de alguns renomados sites internacionais.

A Yamaha E01, que já está sendo oferecida em alguns países europeus em um modelo de leasing e aluguel, promete revolucionar a indústria com seu design moderno, desempenho impressionante e recursos tecnológicos avançados.

Com o lançamento da versão de produção esperada para 2024, os entusiastas de scooters elétricas não terão que esperar muito.

Design arrojado e inspirado em superesportivas

Um dos principais destaques da Yamaha E01 é seu design moderno e inspirado em superesportivas. Com faróis principais posicionados como na superesportiva R1, a E01 certamente atrairá olhares por onde passar.

Seu porte equivalente à NMax 160 e potência semelhante a scooters de 125cc a tornam uma opção atraente para os pilotos urbanos que buscam uma alternativa ecológica e de alta qualidade.

Desempenho impressionante

Apesar de sua aparência elegante, a Yamaha E01 não deixa a desejar quando se trata de desempenho. Equipada com um motor elétrico central de 8,1 kW (11 CV) e torque de 30 Nm (3,1 kgfm), a E01 é capaz de atingir velocidades de até 100 km/h.

Essa scooter elétrica tem o equilíbrio perfeito entre potência e eficiência, oferecendo uma experiência de pilotagem emocionante e ágil nas cidades.

Tecnologia avançada e conectividade

A Yamaha E01 é muito mais do que apenas um veículo elétrico. Ela é equipada com recursos tecnológicos avançados para uma experiência de pilotagem aprimorada.

A scooter oferece três modos de potência (Power, Standard e ECO), permitindo que os pilotos escolham entre maior desempenho ou maior eficiência energética, dependendo de suas necessidades.

Além disso, o painel digital conectado por meio de sistema 3G/LTE/GPS permite que os pilotos monitorem remotamente informações do veículo, oferecendo uma experiência ainda mais conectada.

Autonomia e recarregamento conveniente

A autonomia de uma scooter elétrica é uma preocupação comum entre os consumidores, e a Yamaha E01 não decepciona nesse aspecto.

Equipada com uma bateria de Íons de Lítio de 87,6V e 56,3 Ah, a E01 oferece uma autonomia de até 104 km com uma velocidade média de 60 km/h em piso plano.

Além disso, a scooter pode ser recarregada de três maneiras diferentes: rápido, comum e portátil. Com o carregador rápido, é possível atingir de 0 a 90% de carga em apenas 1 hora, enquanto o carregador comum leva cerca de 5 horas e o carregador portátil requer aproximadamente 14 horas.

Recursos de segurança e conforto

A Yamaha E01 não economiza em recursos de segurança e conforto. Com frenagem regenerativa, a scooter reproduz a sensação de freio motor, proporcionando uma experiência de pilotagem mais segura e agradável.

Além disso, o modelo vem com ABS, controle de tração e uma função de marcha à ré, oferecendo maior controle e manobrabilidade em diferentes situações de pilotagem.

Conclusão

A Yamaha E01 é uma scooter elétrica impressionante que promete elevar o padrão no mercado europeu. Com seu design arrojado, desempenho emocionante, tecnologia avançada e autonomia decente, a E01 é uma opção atraente para aqueles que procuram uma solução de transporte sustentável e eficiente.

Com o lançamento da versão de produção prevista para 2024, os entusiastas de scooters elétricas podem aguardar ansiosamente para experimentar essa inovação revolucionária da Yamaha.

Apesar disso, não há previsão de lançamento em terras brasileiras.

fotos: divulgação

Inscreva-se em nosso Canal no YouTube: The Riders e conheça histórias incríveis do mundo biker!

fonte:https://motoeletricabrasil.com/yamaha-e01-a-nova-scooter-eletrica-revolucionaria-que-esta-chegando-a-europa-em-2024/

Notícias relacionadas

Motocicletas mais vendidas do Brasil em outubro de 2023 – até dia 11

Marcelo Nunes

Alvaro Bautista testa Desmosedici GP

Marcelo Nunes

Honda Hawk 11 2022, galeria de fotos e mais detalhes

Marcelo Nunes

Deixe um comentário